Viver é atravessar o Mar de Dentro. Elke Lubitz

sábado, 17 de janeiro de 2015

Sigilos

A lua ondulava no

salgado da madrugada

Olor de escuridão

Quebrando sigilos 

galáticos

Rutilante esmero

nas mãos dos anjos

Que ainda leem

essências e esparramam

o azul molhado

Dos lagos banhados

de lua

Por todos os lados.

(elke lubitz)